O choro. E, caindo em si desatou a chorar ( Marcos 14.72)

                                           

                    
                                          Devocional- O choro.
                        E, caindo em si desatou a chorar ( Marcos 14.72)

O meu devocional de hoje, me levou a pensar sobre algumas pessoas que conheci, muitos deixam "Cristo" por tão pouco, desistiram sem confiar que o Senhor tem a solução para tudo, no tempo certo. Fico pensando em Pedro quando o negou três vezes, antes tinha dito: .... Ainda que todos se escandalizem, eu jamais! (MC 14.29). Quantas promessas muitos fazem ao Senhor, sei que somos falhos sim! E necessitamos de sua graça em nossas vidas. Mas, o que tenho presenciado é que não precisa muita coisa para alguns desistir de sua caminhada com Cristo, à sempre um motivo raso para justificar seus afastamentos. Alguns que cruzaram meu caminho disseram: já fui convertida (o), já fiz isso ou aquilo na igreja, tal! infelizmente por alguma desmanda os levaram ao afastamento não só da igreja local, mais de “Cristo” que outrora tinham crido, voltando a praticar tudo que um dia tinham sido libertos.  

Três vezes Pedro negou à Cristo, assim já previsto pelo mestre Jesus, pelo seu conhecimento sobrenatural, do acontecimento especifico do futuro, e lhe disse: ...Em verdade te digo que hoje, nesta noite, antes que duas vezes cante o galo, tu me negarás três vezes. (MC, 14.30). Mas ele (Pedro) insistia com mais veemência: Ainda que me seja necessário morrer contigo, de nenhum modo te negarei. Assim disseram todos (MC 14. 31). Aí é que está, diante de todo o sofrimento de Jesus, quando eles deram de cara com a realidade, o abandonou. 

A tribulação não pode nos levar a desistir, de Cristo.

Como é uma vida sem Cristo, depois de ter o conhecido, experimentado e presenciado tantos milagres? O texto relata que a negação solene de Pedro se deteriorou em mentira e implicações, em nosso ponto de vista humanamente falando: que tanto a traição de Judas, quanto a negação de Pedro se tornaram, muito tênue aqui. 

Depois que o galo cantou pela segunda vez, ele lembrou do que Jesus disse: “Antes que duas vezes cante o galo, tu me negarás três vezes. E, caindo em si, desatou a chorar” (MC 14.72). 

E, ele chorou, o sentimento de tristeza tomou seu coração por ter o negado, é isso que significa um homem ou mulher, sem “Cristo”, choro e tristezas sem a graça e consolo do Espírito Santo, As Escrituras diz: para os que confia nela, "o choro pode durar uma noite mais a alegria vem pela manhã", (Salmos 30.5). Aprendamos com as lágrimas de Pedro, quando negou a Cristo, Eu em seu lugar, tenho certeza que choraria lembrando do seu amor e compaixão, que me atraiu mesmo sem merecer. 

Os seus momentos ruins.

 É justamente nesse momento que você precisa dEle. A Palavra de Deus diz: que apesar de todas as tribulações que possamos enfrentar, mas mesmo assim não precisamos ficar angustiados, A Bíblia diz: em 2 Coríntios 4:8-9 Em tudo somos atribulados, mas não angustiados; perplexos, mas não desanimados. Perseguidos, mas não desamparados; abatidos, mas não destruídos.  

Somos atribulados constantemente; ficamos perplexo com acontecimentos, fatos, situações e circunstâncias reais; somos perseguidos e podemos até ficar abatidos. Mas, não precisamos ficar angustiados, nem desanimados, nunca seremos desamparados e muito menos destruídos. Esses sentimentos que sentimos são humanos, a promessas das Escrituras é que não seremos desamparados, e nem destruídos porque Deus é o Senhor de todas as circunstâncias. 

Existe sempre uma saída para aqueles que em Deus confia. 

Por: Cristiane M. Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário

My Instagram